loader
COWORKING



clear

ONU lança cartilha sobre direitos da mulher

 
Informar as mulheres sobre as diversas situações de violência pelas quais podem ser vítimas, como se prevenir e buscar ajuda são os principais objetivos da cartilha Direitos da Mulher, desenvolvida pela Agência da ONU para Refugiados (Acnur), em parceria com a Unaids, UNFPA, Unifem e Opas/OMS.
 
O guia também explica os direitos sexuais e reprodutivos, além das formas de prevenção ao vírus HIV, causador da Aids, e a outras doenças sexualmente transmissíveis.
 
A violência contra a mulher atinge mulheres dentro e fora da família e não é praticada somente por meio de agressão física. Existe também a violência psicológica, moral, patrimonial e sexual. A violência sexual pode ocasionar gravidez indesejada e abortos espontâneos, aumentando o risco de infecção por doenças sexualmente transmissíveis e pelo HIV. É importante saber que a violência pode ocorrer no espaço público e no espaço doméstico.
 
Produzida de forma didática, a cartilha tem por objetivo servir de auxílio para todas as mulheres vítimas de violência e para todas as pessoas que queiram atuar no enfrentamento à violência contra a mulher.
 
Em enquete recente lançada no EcoD, a maioria dos internautas (70%) escolheram a opção "Violência e Preconceito" como principal tema a ser debatido no âmbito da Unifem, novo órgão da ONU voltado para a igualdade de gênero e os direitos da mulher. Em segundo lugar ficou "Igualdade de Educação entre Gêneros (16%), seguido de "Igualdade Econômica entre Gêneros", com 8%. "Mortalidade Materna" ficou em último, com 6%.
 

OUTRAS NOTÍCIAS

2014

clear
NEWSLETTER
Receba notícias e novidades para ajudar você e seu negócio:
ASSINAR

SEGMENTOS
REALIZAÇÃO



Este portal foi desenvolvido pela Objecta internet, uma agência digital engajada com a iniciativa empreendedora e com os resultados online das pequenas empresas.